Morar Bem 2019: Inscrições, Classificação

A casa própria é o sonho de muitos brasileiros, principalmente porque esta não é uma conquista muito fácil, o custo de um imóvel é incompatível com o valor de vários salários. Mas, para possibilitar esta aquisição o projeto Morar Bem 2019 ajuda na missão. Para saber mais sobre o Morar Bem 2019, como o programa funciona e qual público alvo ele atinge, leia este artigo.

Morar Bem 2019

Morar Bem 2019

O que é o Morar Bem 2019

O programa Morar Bem 2019 beneficia um determinado grupo de pessoas, entregando 1 casa para os aprovados na seleção. Também é distribuído de forma gratuita escrituras para as pessoas que moram em cidades já consolidadas, mas que ainda não têm o documento legítimo do imóvel.

✓ Veja ainda os novos valores do Bolsa Família 2019!

Assim como o projeto Minha Casa Minha Vida que abrange a maior parte do país, o Morar Bem 2019 oferece moradia para pessoas de baixa renda. Quando as obras já estão perto de 40% de conclusão, os candidatos são chamados para financiamento por meio dos bancos credenciados, Caixa Econômica Federal e Banco do Brasil.

Em Brasília a organização que fica responsável pela seleção dos candidatos, faz a distribuição das escrituras ou dos imóveis e cuida de todos os detalhes sobre o programa é a Companhia de Desenvolvimento Habitacional do Distrito Federal (CODHAB). Por isso, os interessados devem procurar algum posto de atendimento do CODHAB.


Quem pode participar do Morar Bem 2019?

Mesmo que surja grande interesse em participar do Morar Bem 2019 não é toda a população que pode se inscrever no programa!

✓ Veja as novas datas do Feirão da Caixa 2019!

Quem não preencher os requisitos estará automaticamente eliminado da seleção. De acordo com as características do perfil de cada candidato, é formada uma pontuação de 0 á 500. Quanto maior a pontuação tem-se mais chance de conseguir a casa ou a escritura.

A lista com as exigências necessárias para conseguir participar do projeto, são estas:

  •  Ter maioridade ou ser emancipado na forma da lei;
  • Residir no Distrito Federal nos últimos cinco anos;
  • Não ser, nem ter sido proprietário, promitente comprador ou cessionário de imóvel no DF;
  • Não ser beneficiado em outro programa habitacional no Distrito Federal;
  • Possuir renda familiar de até doze salários mínimos.

Além disso, existe um grupo prioritário: famílias que ganham até R$ 1.800,00 por mês, moradoras de áreas de risco, pessoas com deficiência física, idosos e mulheres responsáveis pelo sustento de toda a sua família podem passar na frente de outros cadastrados.


Classificação Morar Bem 2019

Para o ano de 2019 ainda não foram divulgadas novidades, mas é sempre bom saber como encontrar a classificação Morar Bem 2019. Como é no Distrito Federal que o programa funciona predominantemente, veja como fazer a consulta da classificação para esta região.

Passo 1: Acessar o site da Codhab;

Passo 2: Clique em ‘Habitação’. E na coluna do meio, escolha ‘Pesquisa por CPF’;

Passo 3: Você deve inserir o número do seu CPF e clicar em ‘Realizar Pesquisa’;

Passo 4: Agora, ficarão disponíveis informações como a situação do candidato e sua classificação na lista de espera.

Lembrando que somente quando as obras estiverem 40% concluídas é que os interessados são chamados.


Inscrições Morar Bem 2019

Se você faz parte do público alvo do programa, deseja ter a sua casa própria ou regularizar a escritura do imóvel que já é seu, precisa saber como funcionam as inscrições Morar Bem 2019. Quando existem novas construções ou mutirão para a regularização o próprio site do Codhab deixa disponível em seu portal um formulário para preenchimento.

Por enquanto não foram divulgadas novidades sobre o programa, mas os candidatos da faixa 1, que são pessoas com renda mensal familiar bruta de 0 a R$ 1.600,00 devem agendar o atendimento no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) de sua região.

One Response

Adicionar Comentário